segunda-feira, 20 de julho de 2015

FIFA E BRASIL, TUDO A VER????

Joseph Blatter Presidente da FIFA foi alvo de protesto contra a corrupção recebendo uma "chuva" de dólares antes de iniciar entrevista coletiva em Zurique na Suiça!
Será que conhecemos alguém em nosso país, em nosso Estado e em nosso Município que mereceriam protestos também?


segunda-feira, 6 de julho de 2015

É PIADA?

Realmente parece piada ver a família Garotinho reclamando das pesquisas do Instituto Pro4, recém divulgadas pela Folha da Manhã, que indicam a péssima aprovação do Governo Rosinha...

Mas o que esperavam? Fazem uma gestão absolutamente incompetente, não resolvendo os problemas da cidade e dos cidadãos, não buscando a transparência ou o diálogo, e ainda por cima conseguindo falir uma cidade bilionária e esperam serem queridos pela população?

Preferem como sempre acusar aqueles que mostram a realidade a assumir qualquer responsabilidade por terem detonado a cidade de Campos dos Goytacazes!

Acusar os pesquisadores do Instituto Pro4 de terem manipulado a pesquisa é uma clara demonstração de desespero! Quem conhece Murilo Dieguez sabe de sua honestidade, ética e responsabilidade com as pesquisas. As pesquisas que eu acompanhei feitas pelo Pro4 foram corretas e traduziram a realidade, vide pesquisas eleitorais de 2012 e 2014 em nossa cidade que foram coerentes com os resultados das eleições...

Observamos que a Família Garotinho utiliza sempre da mesma estratégia política... Como sempre querem desviar a atenção dos fatos incontestáveis (nesse caso o imenso desgaste de sua gestão incompetente) e jogar a atenção para acusações falsas... Quem ainda aguenta isso?



sexta-feira, 19 de junho de 2015

GOVERNO ROSINHA PROMOVE BAIXARIA NA CÂMARA!

Vejam no vídeo postado abaixo os detalhes da baixaria promovida pela Prefeita Rosinha Garotinho e por seu marido na Câmara de Vereadores de Campos para conseguirem a aprovação do mega empréstimo de 1 Bilhão de reais que vai detonar ainda mais a nossa rica/pobre cidade!

Vejam o detalhe: aqueles que faliram a cidade de Campos ainda tem a coragem de levar os funcionários de cargos de confiança da Prefeitura para tumultuar e irritar os vereadores da oposição!

Baixaria! Baixaria!

Vergonha!!!!!!


video

sexta-feira, 12 de junho de 2015

1 BILHÃO DE DIFICULDADES PARA CAMPOS!

Rosinha Garotinho consegue aprovação da Câmara de Vereadores de Campos para pegar empréstimo de 1 Bilhão de reais!

Esses irresponsáveis agora estão endividando a cidade para além de seu mandato e com isso garantindo um futuro difícil para a nossa cidade...

Será que ainda vão votar neles nas próximas eleições????

 


Terceira Via

Data: 10/06/2015 - 20:58:16

Câmara de Campos aprova antecipação dos royalties de petróleo

Votação foi apertada, com 13 votos a favor e 10 contra, em sessão tumultuada


Foi aprovada, por volta das 20h40 desta quarta-feira (10) - em sessão tumultuada - na Câmara Municipal, a proposta do gabinete da prefeita de antecipação das receitas dos royalties do petróleo. A votação foi apertada e contou até mesmo com a manobra de devolver o secretário Fábio Ribeiro ao plenário, para que votasse a favor do Governo. A sessão foi interrompida diversas vezes.

Assim, a prefeitura poderá tomar antecipados valores próximos a R$ 1 bilhão para equilibrar suas contas. Treze vereadores votaram a favor enquanto outros dez vereadores votaram contra, na tentativa de impedir os riscos que esta operação financeira traz para o município.

Os dez vereadores que votaram contra foram: Rafael Diniz, Marcão Gomes, Fred Machado, Nildo Cardoso, Albertinho, Jorge Magal, Dayvison Miranda,  Alexandre Tadeu, Gil Vianna e Genásio. Já os vereadores que venderam o futuro da cidade foram: Fábio Ribeiro (alçado a vereador na vaga deixada por Paulo Hirano), Abdu Neme, Altamir Bárbara, Dona Penha, Mauro Silva, Miguelito, Álvaro César, Ozéias, Neném, Thiago Virgílio, Cecília Ribeiro Gomes, Auxiliadora Freitas e Kellinho.

A aprovação do projeto de resolução autoriza o município a fazer operações de antecipação de crédito relativas aos royalties do petróleo e participações especiais de 2015/16. A entrada antecipada destes recursos – conhecida como “venda dos royalties” - se dará pela remessa do privilégio com antecedência em torno de doze meses e deixará para o próximo prefeito a herança e a obrigação de ter que arcar com o rombo deixado por mais esta conta.

A estratégia do governo para aprovar a “venda dos royalties” foi a de assustar a população com a ameaça de interrupção de programas como o da passagem de ônibus a R$ 1,00, o do Cheque Cidadão, das casas populares, das creches e escolas modelos, da construção de hospitais e UBS - todos jogados na conta dos royalties do petróleo. Outro artifício foi a exoneração em caráter de urgência do Secretário Municipal de Administração e Gestão de Pessoas, Fábio Ribeiro, para que ele retomasse sua condição de vereador para votar a favor do governo.

Para o vereador Marcão Gomes, o regimento da Câmara foi rasgado: “fomos impedidos de justificar o voto. O secretário Fábio Ribeiro estava aqui e participou da votação. Pelo nosso entendimento jurídico, esta seção deve ser anulada”, afirmou.

Já o vereador Genásio - que antes era da base do governo e votou contra – estava indignado: “quero que vocês digam em que banco vão pegar o empréstimo,  em quantas parcelas vão pagar, qual o valor dos juros e qual é a quantia afinal. Estão aprovando os projetos sem estas informações”, denunciou.

sexta-feira, 29 de maio de 2015

QUEREMOS DIGNIDADE!

Nossa denuncia foi repercutida pela Folha da Manhã e pelo jornal online Terceira Via!
A população de Campos dos Goytacazes e região não pode achar normal o caos na saúde em uma cidade rica como a nossa!
Precisamos nos indignar!
Chega de acomodação!
Vamos exigir, na internet e no mundo real, respeito e dignidade para a população e para os servidores!





quarta-feira, 27 de maio de 2015

GRAVES DENUNCIAS DE FUNCIONÁRIO DO HFM!

Veja abaixo as graves denuncias de um profissional de saúde do Hospital Ferreira Machado em Campos dos Goytacazes, uma das cidades mais ricas do Brasil!

Até quando assistiremos a tamanha irresponsabilidade?

Onde está o dinheiro da cidade de Campos dos Goytacazes?


O que mudou no HFM após a visita do Ministério Público Federal? Nada! Ou melhor, piorou e muito! No Último fim de semana foi um caos, desesperador ! Faltava vaga de UTI, medicação( noradrenalina ), monitor cardíaco e os pacientes graves não paravam de chegar! Os plantonistas desesperadamente tentavam falar com os diretores da unidade e pasmem! Ninguém atendeu! Tudo isso está registrado no livro de ocorrência, assinado e carimbado pelos médicos plantonistas! A enfermaria masculina tinha 4 pacientes graves com indicação de UTI, um inclusive entubado e acoplado ao respirador! Tudo na base do improviso sem os corretos cuidados de que necessitam em terapia intensiva!

 
   Fato corriqueiro no hospital, a Sala de politrauma e agora o repouso masculino são improvisadas para receber pacientes graves!

 Pacientes em macas até sem colchão!
 
Corredor rotineiramente lotado por pacientes à espera de vagas para internação, cirurgias principalmente ortopédicas que frequentemente não são realizadas por falta de material.


O hospital que tem perfil de atendimento de pacientes graves e politraumatizados, atende de tudo desde uma simples cefaleia até um politraumatizados grave,porém não apresenta no momento condições de absorver toda essa demanda e pacientes graves não estão recebendo os devidos cuidados culminando com o êxito letal (morte)! Se a unidade não possui condições de absorver toda essa demanda que a contrate na rede particular! São vidas humanas perdidas a esmo! A presença do Ministério Público deveria ser diária no hospital, e os verdadeiros responsáveis que são os gestores municipais responsabilizados civil e criminalmente! Os funcionários são tão vítimas quanto os pacientes e ainda tiveram redução de salários! Salvem o Hospital Ferreira Machado!

Desabafo de um funcionário!
 

quarta-feira, 11 de março de 2015

NA SEMANA DA MULHER!

Na Semana da Mulher!

Na Associaçāo de Mulheres Italvenses como convidado de debate sobre a Saúde da Mulher discutindo aspectos físicos, psicológicos, sociais e culturais... 


Foi ótimo!!!!!

quarta-feira, 4 de março de 2015

GRAVES PROBLEMAS NO CONTROLE DA DENGUE EM CAMPOS!

Agora que as chuvas voltaram precisamos ficar ainda mais atentos para o problema da dengue em nosso município! 

O problema é que os gestores de Campos, leia-se família Garotinho, não têm essa mesma preocupação!

Veja abaixo essas graves denuncias em relação ao funcionamento precário do Centro de Controle de Zoonoses em nossa cidade... Até quando?????



Terceira Via
Data: 04/03/2015 - 00:01:01

Moradores denunciam a falta de regularidade nas visitas do CCZ

Os funcionários estariam sendo orientados a economizar na dosagem do larvicida

A população de Campos está assustada com os casos confirmados de dengue, somente esse ano. Mesmo com um longo período de estiagem e mutirões realizados pelo Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), os moradores de alguns bairros denunciam a falta de periodicidade das visitas dos agentes de endemia do órgão. Este ano, 80 casos de dengue foram confirmados no município, sendo 28 em janeiro e 50 em fevereiro. A maior parte – 90% - do tipo 1 da doença, mas o tipo 4 também foi registrado, segundo a assessoria da secretaria de Saúde. Apenas 51 casos de dengue foram confirmados no município em 2014. Até o momento, nenhum caso de febre chikungunya, doença transmitida pelo mesmo transmissor da dengue — o Aedes aegypti.  
De acordo com dados do Ministério da Saúde, os agentes devem visitar cada residência de dois em dois meses (um ciclo), totalizando seis ciclos anuais de visitas domiciliares. No entanto, essa situação não estaria sendo registrada no município.
Uma moradora do bairro do Jockey — que terá a identidade preservada — disse que questionou aos agentes de endemia que visitaram sua residência, no mês passado, quando eles retornariam ao local e a resposta não foi satisfatória. “O CCZ não tem funcionário suficiente para atender a cidade toda. Não posso afirmar quando retornaremos a este bairro”, revelou para a moradora.

Do outro lado da cidade, no Parque Lebret, em Guarus, uma funcionária pública também denunciou a mesma situação e com o agravante sobre o larvicida utilizado. “O agente do CCZ que esteve aqui em casa disse que eles foram orientados a economizar no ‘pozinho’ que eles jogam nos ralos, por que estava racionado. Isso é inadmissível”, lamentou.
Uma funcionária do órgão municipal — que solicitou o anonimato com medo de represálias — confirmou as duas denúncias. “Estamos divididos em equipes e toda semana atendemos dois bairros, mas normalmente não damos conta e as visitas se estendem, prejudicando o ciclo. Quanto ao larvicida, a orientação é gastar o menos possível, não só este produto, mas outros também, como luvas e até mesmo as sacolas de lixo”, finalizou.
O vice-prefeito e secretário de Saúde, Doutor Chicão, afirmou que cerca de 450 agentes do CCZ trabalham continuamente em toda a cidade e reforçam as ações principalmente nos bairros com maior número de focos, apontados no 1º Levantamento do Índice Rápido de Infestação do Mosquito Aedes Aegypti (LIRAa) desse ano.
“A população não deve se descuidar. Ao contrário, precisa reforçar os cuidados e o trabalho de prevenção, para não termos um novo surto da doença. Se não exercemos nossa cidadania e não fizermos o dever de casa, criaremos um ambiente propício para a propagação do mosquito transmissor”, informou Dr. Chicão.

Patricia Barreto

quarta-feira, 31 de dezembro de 2014

MUITO OBRIGADO!

Caro leitor desse blog,  muito obrigado pela sua participação em 2014!

Desejo a você um ano de 2015 especial em saúde e paz!

Que possamos nesse Ano Novo avançar no respeito e no amor ao próximo,

ajudando a construir cidades, estados e países melhores, 

com menos injustiças e mais respeito a todos.

Um grande abraço!!!

Fiquem na paz do Senhor!

Erik Schunk


quarta-feira, 24 de dezembro de 2014

FELIZ NATAL!

Feliz Natal!

Um Natal de muita Paz e Amor, mas sem esquecer o aniversariante!

Um grande abraço para todos!

São os voto de Erik Schunk e Família!


sábado, 13 de dezembro de 2014

54% ACHAM GOVERNO ROSINHA DESONESTO!?

A Prefeitura de Campos uma das mais ricas do Brasil com orçamento anual de mais de 2.5 bilhões está quebrada!!! Não pagou pelas obras que fez a licitação (apesar da lei mandar que o dinheiro fique alienado) e está sem dinheiro para pagar sequer os salários dos funcionários... 

54,2% dos campistas acham o Governo Rosinha Garotinho desonesto!!!???



Folha da Manhã, 13/12/2014

Governo desonesto para 54,2%

Alexandre Bastos
O governo Rosinha (PR) é um governo honesto? Para 54,2% dos campistas, não. É o que mostra a pesquisa do instituto PRO4 realizada entre os dias 10 e 14 de novembro. De acordo com o levantamento, 22,3% acreditam que o governo Rosinha é honesto e 23,5% não sabem ou não responderam.
A pesquisa do PRO4, que ouviu 426 pessoas, mostra que a opinião sobre a honestidade do governo Rosinha oscila de acordo com os níveis de escolaridade e renda. Entre os que não declararam renda, houve um empate. 43,8% acham que o governo é honesto e 43,8% acreditam que é desonesto. Entre os que ganham acima de cinco salários mínimos, 71,4% dos entrevistados acham que o governo é desonesto e 28,6% não sabem ou não responderam. No grupo que cursou até a quarta série do ensino fundamental, 47,4% não concordaram com a afirmação de que o governo Rosinha é honesto e 34,2% apostam na honestidade do governo. De acordo com a pesquisa, as mulheres acham o governo mais desonesto do que os homens. Ao todo, 52,5% dos homens não acham o governo honesto. Já entre as mulheres este número sobre para 55,8%.
Na série de reportagens sobre as pesquisas do PRO4, a Folha já mostrou que o governo Rosinha tem 71,3% de aprovação, somando os entrevistados que acham ótimo (4,9%), bom (29,1%) e regular (37,3%). Por outro lado, 17,4% dos entrevistados acham o governo ruim e 9,6% afirmam que o governo é péssimo. 1,6% não sabe ou não respondeu. Quando a pergunta foi: “Você aprova ou desaprova a maneira como a prefeita Rosinha vem administrando Campos”, 54,9% dos entrevistados afirmaram que aprovam, enquanto 33,8% desaprovam, e 11,3% não sabe/não respondeu.
Outra matéria sobre a pesquisa apontou que a grande maioria acredita que, “com o dinheiro que Campos tem, a cidade poderia ser muito melhor”. O resultado do levantamento mostrou que 85,2%, acha que a cidade poderia ser bem melhor, e 10,86% acredita que, mesmo com todos os recursos, não seria possível ser melhor. Outros 4,2% não sabem ou não responderam. Nos últimos seis anos o governo Rosinha contou com mais de R$ 11 bilhões, o maior volume já arrecadado na história do município. Ontem, a Folha mostrou que, para a maioria dos campistas, as obras da Prefeitura de Campos “são caras e superfaturadas”. Segundo o levantamento do PRO4, 58,5% dos campistas acham as obras caras e superfaturadas e 23,2% dos entrevistados discordam. Outros 18,3% não sabem ou não responderam.
Rosinha: “Compromisso com a honestidade”
Sempre que é indagada sobre possíveis casos de desonestidade e corrupção a prefeita Rosinha Garotinho diz que “não tolera”. Em recente entrevista ela afirmou que seu “compromisso sempre foi com a lisura, a honestidade, e um serviço público que atende a todos, sem discriminação”.
Em fevereiro deste ano, durante reunião no Automóvel Clube, a prefeita Rosinha também comentou sobre possíveis erros e avisou que não tem problema algum em mandar embora. “Se tem roubalheira eu mando embora. Já fiz isso outras vezes”, garantiu.
Na sexta-feira (12), em seu blog, o deputado federal Anthony Garotinho (PR) afirmou que “graças à dedicação, ao trabalho sério, ao zelo pelo dinheiro público”, “a Prefeitura de Campos está livre de qualquer restrição no cadastro nacional das prefeituras junto ao governo federal. A Prefeitura de Campos está em dia com todas as contribuições, prestações de contas, convênios, aplicação de verbas em saúde e educação. Poucas prefeituras do Brasil estão nessa situação de regularidade”, disse o parlamentar.

quinta-feira, 4 de dezembro de 2014

MÉDICOS SEM SALÁRIOS NO PU DE GUARUS! CAOS AINDA MAIOR!

O caos na Saúde de Campos já existe há décadas mas só fez piorar desde que a Prefeita Rosinha Garotinho assumiu o município... E agora chegamos a essa absurda situação dos Médicos do PU de Guarus que já estão há 03 meses sem receber os seus salários!

Mas onde é o fim desse buraco?

Pois agora que o dinheiro da Prefeitura sumiu, por coincidência durante o período eleitoral em que o marido da Prefeita concorreu a Governador com uma campanha milionária, o município está completamente quebrado tendo que antecipar a verba dos royalties do petróleo para pagar as contas básicas!

Estou farto de tanta de falta de respeito, dessa total irresponsabilidade e incompetência na gestão pública! 

É preciso terminar esse longo e tenebroso inverno que assola Campos dos Goytacazes com esses Governos corruptos e populistas que compram a população com favores e com dinheiro em período eleitoral! 

Onde está o Ministério Público? Inúmeras denuncias foram feitas...

Onde está a Polícia Federal? Não há elementos para investigação?




JORNAL TERCEIRA VIA:

Falta de pagamento: atendimento do PU de Guarus vira caso de polícia

PM foi ao local porque os médicos suspenderam as atividades porque estão sem receber há três meses

Vários pacientes ficaram sem receber atendimento na manhã desta terça-feira (2 de dezembro) no Posto de Urgência (PU) de Guarus, após os médicos - que estavam de plantão -decidirem suspender as consultas por falta de pagamento. Os profissionais alegam que estão sem receber da Prefeitura de Campos há mais de três meses.
Revoltados, os pacientes chamaram à Polícia Militar que esteve no local, mas o tumulto generalizado já havia acabado.
Jaqueline Quitete – que esteve na unidade hospitalar para levar a filha Maria Luiza, de dois anos - disse que todos os médicos interromperam os atendimentos. Após muita confusão, os clínicos voltaram ao atendimento, mas os pediatras continuaram a paralisação. “De repente os médicos paralisaram os atendimentos, vieram aqui fora e disseram que só iriam voltar ao trabalho depois que a prefeitura efetuasse os pagamentos. Campos está num estado de calamidade”, desabafa a mãe, ressaltando que mora em Donana e, por não conseguir atendimento para a filha no Hospital São José, recorreu ao PU de Guarus, o que não adiantou nada.
Matheus Rangel presenciou o momento em que o atendimento médico foi suspenso. Segundo ele, antes da chegada da imprensa e da PM, vários pais e responsáveis saíram da unidade revoltados porque as crianças não receberam atendimento. “Muitas mães sairam daqui sem atendimento porque os médicos optaram por suspender os atendimentos, já que estão sem receber os salários há mais de três meses. Na área da saúde, Campos vive um dos piores momentos da história”, opinou.
Ariana da Silva foi outra que levou o filho para ser consultado, mas saiu do PU de Guarus sem atendimento. Inconformada, ele disse que chamou a PM. “Fui eu quem chamei à polícia para ver esse desaso e dar voz de prisão para os médicos. Meu filho está com dor de ouvido e chorando muito. Não sei mais o que faço”, desesperou. 
Sempre respeitando o princípio do contraditório e buscando as diferentes versões para um mesmo fato, o jornal Terceira Via entrou em contato, por telefone e por e-mail, com a assessoria de comunicação da Prefeitura de Campos, sem obter resposta. Ainda assim, o jornal aguarda e publicará versão do órgão para este fato.